CONCLUSÃO

Na história da humanidade, que Jesus (as) seja enviado à terra uma segunda vez por Allah é, seguramente, uma graça divina para toda a humanidade. Apenas uma minoria de pessoas usufruirá desta ocasião. Ele será, assim, um abençoado "salvador" enviado a toda a humanidade. De facto, numa época em que a violência e a desordem são sentidas pelo mundo de forma crescente, os seres humanos imploram a Allah um "defensor". Em conformidade, Allah respondeu a este pedido:

E porque não lutaríeis pela causa de Allah, e pelos fracos entre os homens, mulheres e crianças, que dizem: "Senhor nosso, tira-nos desta cidade, cujos habitantes são opressores; e concede-nos, da Tua parte, um protector; e concede-nos, da Tua parte, um defensor"? (Surah 4, An-Nissa': 75)

Como previamente mencionado, na nossa época o "salvador" é a penetração dos valores Alcorânicos nas nossas almas e na nossa sociedade. Na sua segunda vinda, Jesus (as) aderirá de forma sincera a estes valores revelados por Allah, e esforçar-se-á sinceramente por difundi-los pelas pessoas de todo o mundo.

O conhecimento do invisível e de acontecimentos futuros é algo conhecido apenas por Allah. No entanto, é certo que aqueles que aguardam este período abençoado e esta pessoa devem, nessa altura, assumir importantes obrigações. Do mesmo modo que Jesus (as) protegerá e conduzirá todos os crentes, de forma sincera os crentes deverão também oferecer apoio a Jesus (as) e ajudá-lo nos serviços por ele prestados em nome de Allah. Por outras palavras, desta vez, durante a sua segunda vinda, os crentes não deverão nunca levá-lo a perguntar de novo, "Quem serão os meus auxiliadoresna causa de Allah?" (Surah 3, Al 'Imran: 52). De outro modo, a pessoa sentir-se-á profundamente arrependida e atormentada tanto neste mundo como no Além. Allah ameaça claramente aqueles que são ingratos:

Então enviamos, sucessivamente, os Nossos mensageiros. Cada vez que um mensageiro chegava ao seu povo, este o desmentia. Então fizemos uns seguirem outros, e fizemos deles a lenda das nações. Distância com o povo descrente! (Surah 23, Al-Muminun: 44)

Por outro lado, aqueles que o seguem, que lhe proporcionam ajuda sincera e adoptam os valores revelados por ele trazidos, poderão esperar obter o comprazer, a misericórdia e o paraíso eterno de Allah. Isto é promessa definida e boas notícias oferecidas por Allah:

Por um Mensageiro, que vos recita os lúcidos versículos de Allah, para tirar, os que crêem e praticam o bem, das trevas, para os levar à luz. E os que crêem em Allah e praticam o bem, Ele os introduzirá em jardins, sob os quais correm os rios, onde morarão eternamente. Allah lhes reservou uma excelente provisão. (Surah 65, At-Talaq: 11)

Estamos gratos a Allah, o Todo-Poderoso, que assim honrará os Seus servos como deseja, numa tão grandiosa ocasião como a segunda vinda de Jesus (as) e lhes concederá esta importante oportunidade para obterem merecimento para as suas vidas no Além.

E que a paz esteja com os Mensageiros! E louvado seja Allah, o Senhor de todos os mundos! (Surah 37, As-Saffat: 181-182)